Publicação em destaque

A SABEDORIA e a CÁTEDRA

18 outubro 2018

VIVER POETA

               





VIVER POETA

Não escrever.
Não dizer,
       sim, ser poeta
No dia a dia da vida
SER
POETA
Na poesia da vida, ser
poeta;
Luz, Sombra, Arte, Sangue
Suor, Obra, dum
poeta

Ninguém pode vender ou comprar
a Vida

A arte não é publicável ou negociável

O poeta não faz, não transforma,
não executa,
não muda, nem cria

O poeta permanece sempre poeta,
põe e não dispõe da poesia.
A noite, a lua, o sol, a chuva
a terra, o mar, a morte,
o podre
são
do poeta
a força
e
a
fraqueza.


Renato Gomes Pereira
Porto, 18-10-2018









Sem comentários: